MORTES DEIXARAM O CARNAVAL DE BARREIRAS MAIS TRISTE





As mortes, por atropelamento, dos jovens Ednaldo Prado, 19 anos e Sheila Caune, de 16 anos, abalaram profundamente a sociedade barreirense e provocaram consternação e dor. Vidas inocentes, ceifadas na aurora da existência sempre causa perplexidade. O Mural do Oeste solicita a polícia que aperte o cerco sobre os motoristas que dirijam embriagados para que novos acidentes como este não venham acontecer e enlutar outras famílias. Esta é uma dor que não tem comparação.

Comentários Recentes