FÍSICO DA UFRJ CONDENADO POR TERRORISMO É DEPORTADO PARA FRANÇA

   Físico da UFRJ condenado por terrorismo é deportado para a França

O físico Adlène Hicheur, condenado por terrorismo na França (relembre o caso), professora da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), foi deportado do Brasil nesta sexta-feira (15). De acordo com informações do portal G1, o voo que levava Hicheur deixou o Aeroporto Tom Jobim por volta das 22h. Segundo a publicação , a vice-reitora da UFRJ, Denise Nascimento, esteve no aeroporto para tentar evitar a deportação e pedir maiores explicações sobre as acusações, mas não teve sucesso. Uma reportagem da revista "Época" revelou no início de 2016 que o argelino havia sido condenado por terrorismo na França. Preso em 2009, cumpriu a pena e chegou ao Brasil em 2013. Em outubro do ano passado, a Polícia Federal (PF) efetuou buscas na casa do físico e na instituição. Ele era monitorado desde 2013.
FÍSICO DA UFRJ CONDENADO POR TERRORISMO É DEPORTADO PARA FRANÇA FÍSICO DA UFRJ CONDENADO POR TERRORISMO É DEPORTADO PARA FRANÇA Reviewed by Mural do Oeste on sábado, julho 16, 2016 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.