MULHER TRANSMITE ASSÉDIO SEXUAL DO CHEFE AO VIVO: 'EU NÃO LIGARIA DE RECEBER SEXO ORAL'

   Mulher transmite assédio sexual do chefe ao vivo: 'Eu não ligaria de receber sexo oral'

Uma jovem de 21 anos transmitiu ao vivo em seu perfil no Facebook a tentativa de assédio sexual do chefe. Makana Milho cumpria uma ordem de serviço comunitário quando seu supervisor, Harold Villanueva Jr, teria beliscado sua bunda. O homem pediu que ela entrasse em um caminhão e a levou para um estacionamento vazio. Foi quando ela começou a transmissão pelo celular, que estava escondido na bolsa. De acordo com o jornal britânico “Metro”, no vídeo é possível ouvir a mulher questionando: “Se eu não fizer sexo eu vou ter que ficar até 13h?” “Se você não quiser uma camisinha, eu não ligaria de receber sexo oral”, responde Villanueva Jr. “Eu posso perguntar aos meus amigos se eles têm camisinha”, respondeu Makana.
Em entrevista ao Daily Beast, a jovem contou que deu a sugestão com a esperança de que isso fizesse seu supervisor leva-la para um lugar seguro. “Eu pensei que ele poderia fazer qualquer coisa comigo. Eu senti meu poder sendo retirado de mim”, lamentou. Milho disse que a sua gravação revelou outros casos semelhantes referentes a Villanueva com outras mulheres da comunidade. O vídeo foi compartilhado no dia 22 de julho e teve mais de 197 mil visualizações, mas foi retirado depois que Makana foi chamada de prostituta e sofreu uma onda de comentários que a culpavam pelo que ocorreu. Uma semana após a transmissão, a polícia prendeu Villanueva e o indiciou por assédio sexual de quarto grau.


                      
MULHER TRANSMITE ASSÉDIO SEXUAL DO CHEFE AO VIVO: 'EU NÃO LIGARIA DE RECEBER SEXO ORAL' MULHER TRANSMITE ASSÉDIO SEXUAL DO CHEFE AO VIVO: 'EU NÃO LIGARIA DE RECEBER SEXO ORAL' Reviewed by Mural do Oeste on quarta-feira, agosto 03, 2016 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.