PIB BRASILEIRO RECUA 0,6% NO SEGUNDO TRIMESTRE

  crise-pib-imovel-falencia

A economia brasileira encolheu 0,6% no segundo trimestre, na comparação com os três primeiros meses do ano, divulgou o IBGE nesta quarta-feira. Este é o sexto resultado trimestral seguido com queda na atividade econômica. Em relação ao segundo trimestre de 2015, a perda foi mais intensa, de 3,8%, a nona seguida. Já o resultado acumulado em 12 meses registrou variação negativa de 4,9% — maior da série histórica, iniciada em 1996. No primeiro trimestre, a perda tinha sido de 4,7%. No ano, a economia recua 4,6%. Em valores correntes, o Produto Interno Bruto (PIB, conjunto de bens e serviços produzidos no país) atingiu o total de R$ 1,53 trilhão. Mais uma vez, todas as comparações do PIB mostram taxas negativas. Isso ocorre há cinco trimestres seguidos. Essa análise considera as comparações frente ao trimestre anterior, a igual trimestre do ano anterior, resultado acumulado no ano e nos quatro trimestres imediatamente anterior.

A indústria e o investimento mostraram reação no segundo trimestre, o que denota uma mudança de comportamento na economia brasileira, mas o movimento é acompanhado por uma queda ainda intensa dos serviços, que têm peso de 72% no cálculo do PIB.
— A parte da indústria e do investimento deu uma melhoradinha na margem em relação ao que estava acontecendo, mas os serviços não. É uma mudança frente ao que estava acontecendo antes, mas ainda não afetou tanto o PIB por causa dos serviços, que pesam 72% da economia — explicou Rebeca Palis, gerente de Contas Nacionais do IBGE.

Fonte: O Globo
PIB BRASILEIRO RECUA 0,6% NO SEGUNDO TRIMESTRE PIB BRASILEIRO RECUA 0,6% NO SEGUNDO TRIMESTRE Reviewed by Mural do Oeste on quarta-feira, agosto 31, 2016 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.