RIO 2016: ESTRANGEIROS ESTRANHAM PRESENÇA DE CAPIVARAS EM CAPIVARAS EM PARTIDAS DE GOLFE

                                   Rio 2016: Estrangeiros estranham presença de capivaras em partidas de golfe

As partidas de golfe da Olimpíada Rio 2016 têm tido uma companhia inusitada: as capivaras. E quem tem estranhado a presença do animal na Área de Proteção Ambiental (APA) de Marapendi, no Rio de Janeiro (RJ), são os estrangeiros. O site norte-americano Los Angeles Times classificou o roedor como “criaturas estranhas, do tamanho de um porco”. Em uma outra reportagem feita pela publicação, o animal é descrito como um “hamster gigante, amigável e incrivelmente sociável”, “um cruzamento entre esquilo e porco”.
O site Global News, do Canadá, defende os animais. “São os jogadores que estão visitando as capivaras, não o contrário”. Nas redes sociais, estrangeiros também manifestaram carinho pelas capivaras. “Eu iria às partidas de golfe olímpico só para ver as capivaras selvagens”, disse um. Teve até quem quisesse incluir as capivaras aos jogos. Um outro estrangeiro não foi tão receptivo assim ao animal. “Não sei como esses caras podem jogar golfe cercados por capivaras. Eu já as vi pessoalmente e elas são aterrorizantes”, disse.
RIO 2016: ESTRANGEIROS ESTRANHAM PRESENÇA DE CAPIVARAS EM CAPIVARAS EM PARTIDAS DE GOLFE RIO 2016: ESTRANGEIROS ESTRANHAM PRESENÇA DE CAPIVARAS EM CAPIVARAS EM PARTIDAS DE GOLFE Reviewed by Mural do Oeste on sábado, agosto 13, 2016 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.