CASAL ENCONTRADO MORTO APRESENTAVA SINAIS DE TORTURA NA BA, DIZ POLÍCIA

O casal encontrado morto dentro de casa em Placarford, bairro de classe média de Salvador, foi achado amordaçado, com as mãos amarradas e com sinais de espancamento. As informações são da Polícia Civil e foram passadas ao G1 na tarde desta segunda-feira (26).
Renato Gissoni Habibi, de 58 anos, e Nelida Cristina de Oliveria Habibi, de 55 anos, foram encontrados mortos no domingo (26). Informações preliminares divulgadas pela polícia apontam que homens encapuzados invadiram o imóvel e perguntaram sobre a localização de drogas. O caso ocorreu por volta das 17h.
O filho do casal, de 26 anos, que também estava na casa, conseguiu fugir e pedir ajuda. Os pais, entretanto, já foram encontradas mortos. Segundo a Polícia Civil, Renato foi encontrado com as mãos algemadas, com uma fita sobre a boca e com duas marcas de tiros na cabeça. A mulher dele foi achada na cozinha, com as mãos amarradas com fita adesiva, amordaçada e com marca de um tiro, também na cabeça.
A Polícia Civil informou que não havia sinais de arrombamento no imóvel e disse que o quarto do casal estava revirado. Um revólver calibre 38, que pertencia a Renato e que, segundo informações preliminares, tinha registro, foi roubado pelos bandidos. Além disso, dois celulares do casal foram levados.
O filho das vítimas, que conseguiu fugir do local do crime, já foi ouvido pela polícia. Ainda não há informações sobre o teor do depoimento. O caso é investigado pela 1ª Delegacia de Homicídios (DH) de Salvador, coordenada pela delegada Andréia Ribeiro. Os autores e motivação do crime ainda são investigados.
Fonte: G1 Globo
CASAL ENCONTRADO MORTO APRESENTAVA SINAIS DE TORTURA NA BA, DIZ POLÍCIA CASAL ENCONTRADO MORTO APRESENTAVA SINAIS DE TORTURA NA BA, DIZ POLÍCIA Reviewed by Mural do Oeste on segunda-feira, setembro 26, 2016 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.