FASB SENSIBILIZA IDOSOS PARA PREVENÇÃO E COMBATE DA DENGUE, ZIKA E CHINKUNGUNYA EM BARREIRAS





A Faculdade São Francisco de Barreiras (Fasb) sensibilizou na última quinta-feira (15) os idosos que participam dos projetos da Universidade da Melhor Idade (UAMI) e Esperancidade sobre o combate ao mosquito Aedes aegypti, que transmite os vírus da Dengue, Chikungunya e Zika. Organizado por professores e estudantes dos cursos de Agronomia, Biomedicina, Enfermagem e Fisioterapia da FASB, a ação integrou a 12ª Campanha Nacional de Responsabilidade Social, promovida pela Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (Abmes), que contou com ações sociais desenvolvidas simultaneamente pelas Instituições de Ensino Superior (IES) em todo o Brasil.

Por meio das palestras e orientações dirigidas, eles apresentaram dicas práticas para prevenir e eliminar os focos do mosquito como evitar qualquer vestígio de água parada e acúmulo de lixo no quintal e tampar tonéis e reservatórios. Ao apresentar um modelo de armadilha artesanal preparada com garrafas pets, o acadêmico do 4º semestre de Agronomia, Marcos Vinicius Oliveira, acredita na eficiência do equipamento e na importância do combate ao Aedes aegypti. “Essa é uma alternativa simples para diminuir os mosquitos. O objetivo é atrair a fêmea do mosquito, que deposita os ovos na água parada, usando uma garrafa pet”, resume ele, ao sugerir o uso da armadilha como apenas uma das várias alternativas para eliminar os focos do mosquito.

Há dois anos na parceria UAMI/Esperancidade, a aposentada Maria da Graça da Silva, gostou das orientações e da interação com os jovens estudantes. “Eles conversam bastante e trazem boas informações, quando a gente sai daqui, estamos mais dispostos para colocar em prática o conhecimento repassado”. Uma das acadêmicas voluntárias da ação, Vitória Luiza de Lima, do 2º semestre de Biomedicina da FASB, reforçou sobre o prazer de conscientizar e compartilhar o conhecimento para o combate aos focos do Aedes aegypti. “Com essas atividades ajudamos a cuidar do próximo. Esse contato amplia nossa visão de mundo”, aposta.
Emilia Pignata, coordenadora de pesquisa e extensão da FASB, acredita que a articulação dos professores e estudantes para a realização da Campanha Nacional de Responsabilidade Social em Barreiras levou mais uma ação importante para o projeto UAMI/Esperancidade. “A ação fortalece o repasse de conhecimento científico e apóia diretamente a população na importância da conscientização da prevenção e no combate ao mosquito transmissor da Dengue, Chikungunya e Zika. São dinâmicas e conversas para que estas pessoas se sensibilizem e passem a espalhar estas ideias em casa e na família. São coisas simples que cada um pode fazer e ensinar”, explica ela.





FASB SENSIBILIZA IDOSOS PARA PREVENÇÃO E COMBATE DA DENGUE, ZIKA E CHINKUNGUNYA EM BARREIRAS FASB SENSIBILIZA IDOSOS PARA PREVENÇÃO E COMBATE DA DENGUE, ZIKA E CHINKUNGUNYA EM BARREIRAS Reviewed by Mural do Oeste on terça-feira, setembro 20, 2016 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.