BRASIL TEVE 5 ESTUPROS POR HORA E UM ROUBO A CARRO POR MINUTO EM 2015


No Brasil, mais de cinco pessoas foram estupradas por hora e um veículo foi roubado a cada minuto em 2015. Os dados fazem parte do 10º Anuário Brasileiro de Segurança Pública, elaborado pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública, e divulgados nesta quinta-feira (3).

No ano passado, o país registrou 45.460 casos de estupro, sendo 24% deles nas capitais e no Distrito Federal.
Considerando somente os boletins de ocorrência registrados, em 2015 uma pessoa foi estuprada a cada 11 minutos e 33 segundos no Brasil, ou seja, 5 casos por hora.
São Paulo foi o estado com maior índice de violência sexual, representando 20,4% dos estupros no país: 9.265 casos.
Os dados de 2015 apresentam uma redução de 761 casos (7,6%) em relação a 2014, quando foram registrados 10.026 estupros no estado.
Já Roraima foi o estado com o menor número de estupros registrados, 180. O que representa 98 (35,3%) a menos do que no ano anterior.
Pesquisa Datafolha encomendada pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP) aponta que 85% das mulheres brasileiras têm medo de ser vítima de agressão sexual.
Subnotificação
Apesar de o número representar uma retração de 4.978 casos registrados no país em relação ao ano anterior, ou queda de 9,9%, o Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP) aponta que não é possível afirmar que realmente houve uma redução do número de estupros no Brasil, já que a subnotificação deste tipo de crime é extremamente elevada.

O FBSP estima que ocorreram entre 129,9 mil e 454,6 mil estupros no Brasil em 2015. A projeção mais “otimista” se baseia em estudos internacionais, como o “National Crime Victimization Survey (NCVS)”, que apontam que apenas 35% das vítimas desse tipo de crime costumam prestar queixas.
A pior previsão, e provavelmente mais próxima da realidade, se apoia no estudo “Estupro no Brasil: uma radiografia segundo os dados da Saúde”, do Ipea, e aponta que, no Brasil, apenas 10% dos casos de estupro chegam ao conhecimento da polícia.
Roubos e furtos
Apesar do resultado, no caso dos roubos a veículos, houve uma queda de 0,6% na comparação com 2014, ou 3.045 veículos a menos. Somando os casos de 2014 e 2015, foram roubados ou furtados 1,023 milhão de veículos.

São Paulo é o Estado brasileiro com o maior número absoluto de roubos e furtos: foram 189,4 mil veículos perdidos ao longo de 2015. Contudo, o montante é 14,5% inferior ao do ano anterior, quando haviam sido roubados ou furtados 221,5 mil veículos. O que equivale a 1 veículo perdido a cada 2 minutos e 46 segundos, 21,6 veículos por hora ou 518,8 por dia. O Estado tem uma taxa de 711,7 roubos ou furtos a cada grupo de 100 mil veículos
Maranhão foi o Estado em que os crimes desse tipo mais cresceram. No total, foram 6.305 veículos roubados ou furtados no Estado em 2015, um aumento de 24,1% ou 1.223 veículos a mais que em 2014. O que significa 1 veículo a cada 1 hora e 23 minutos. Taxa de 431,8 roubos ou furtos a cada 100 mil veículos.
Em seguida, aparece Goiás com 28.294 veículos roubados ou furtados no Estado em 2015. O que significa 1 veículo a cada 18 minutos e 34 segundos. Um aumento de 22% ou 5.099 veículos a mais que em 2014. Apesar da diferença no número absoluto, Goiás tem uma taxa mais elevada do que São Paulo, com 798 roubos ou furtos a cada 100 mil veículos.
Já o Distrito Federal foi a unidade da federação em que o total de veículos roubados ou furtados mais caiu entre 2014 e 2015. No ano passado, foram 11.298 crimes desse tipo. Queda de 27% em relação a 2014, quando houve 15.477 desses crimes.
A capital contou com 1 veículo roubado ou furtado a cada 46 minutos e 36 segundos. A taxa de roubo e furtos a cada grupo de 100 mil veículos é de 684,9 no Distrito Federal.
G1
BRASIL TEVE 5 ESTUPROS POR HORA E UM ROUBO A CARRO POR MINUTO EM 2015 BRASIL TEVE 5 ESTUPROS POR HORA E UM ROUBO A CARRO POR MINUTO EM 2015 Reviewed by Mural do Oeste on quinta-feira, novembro 03, 2016 Rating: 5

Nenhum comentário:

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Blog Mural do Oeste É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Blog Mural do Oeste poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada,Que esteja sem indentificação.

Tecnologia do Blogger.