INSTITUIÇÕES DE ENSINO SEGUEM OCUPADAS POR ESTUDANTES NA BAHIA


Ao menos seis instituições de ensino em várias regiões da Bahia seguem ocupadas por estudantes nesta quarta-feira (16), em protesto contra a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 55, anteriormente conhecida como PEC 241, que tramita no Senado e estabelece limite de gastos públicos.
As instituições com ocupações confirmadas são a Universidade Federal da Bahia (Ufba), a Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs), a Universidade Federal do Oeste da Bahia (Ufob), o Instituto Federal da Bahia (IFBA), a Universidade Estadual da Bahia (Uneb) e a Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb).
Estudantes da Ufba ocupam a reitoria da instituição, em Salvador, mas nenhum pavilhão de aulas foi ocupado e as atividades acadêmicas estão mantidas. Os estudantes da instituição estão em período de férias.
No IFBA, as ocupações ocorrem em 11 campi, nas cidades de Salvador, Simões Filho, Valença, Ilhéus, Feira de Santana, Vitória da Conquista, Barreiras, Irecê, Paulo Afonso, Jequié e Eunápolis. As aulas estão suspensas nesses lugares
A Uneb registra 16 campi com ocupações, e em alguns deles as atividades acadêmicas e administrativas estão paralisadas. O movimento ocorre em Salvador, Juazeiro, Senhor do Bonfim, Alagoinhas, Santo Antônio de Jesus, Guanambi, Jacobina, Eunápolis, Caetité, Teixeira de Freitas, Coité, Itaberaba, Camaçari, Irecê, Bom Jesus da Lapa e Valença.
Na Uefs, em Feira de Santana, o calendário acadêmico está suspenso por conta da ocupação. Os estudantes estão sem aulas e não há previsão para o término do ato.
Os alunos da Ufob ocupam os campi de Barreiras, Barra e Santa Maria da Vitória. Já os campi de Bom Jesus da Lapa e Luís Eduardo Magalhães não registram ocupação.
A ocupação também persiste nos campi da Uesb em Vitória da Conquista, Jequié e Itapetinga. Cerca de 8.600 alunos estão sem aulas desde o dia 21 de outubro. Estudantes contrários ao movimento pedem a desocupação dos prédios.
O Ministério Público da Bahia recomendou que a universidade adote todas as medidas possíveis e desocupe o prédio de forma pacífica até o dia 20 de novembro. Uma comissão formada pela universidade discute o assunto com os manifestantes.
G1 não conseguiu contato nesta quarta-feira com a Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB), Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb), Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) e Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), que registravam ocupações até a última semana.
G1
INSTITUIÇÕES DE ENSINO SEGUEM OCUPADAS POR ESTUDANTES NA BAHIA INSTITUIÇÕES DE ENSINO SEGUEM OCUPADAS POR ESTUDANTES NA BAHIA Reviewed by Mural do Oeste on quarta-feira, novembro 16, 2016 Rating: 5

Nenhum comentário:

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Blog Mural do Oeste É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Blog Mural do Oeste poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada,Que esteja sem indentificação.

Tecnologia do Blogger.