MORO NEGA 41 PERGUNTAS DE CUNHA A TEMER POR TENTATIVA DE INVESTIGAÇÃO


O juiz Sergio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba, no Paraná, indeferiu, na manhã desta segunda-feira (28), 41 perguntas feitas por escrito pelo ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) a Michel Temer. Temer é testemunha de defesa de Cunha. Entre as perguntas, há questionamentos se Temer recebeu Jorge Zelada, ex-diretor da Petrobras envolvido em corrupção, em sua própria residência, em São Paulo, e se teve conhecimento de reunião de fornecedores da Petrobras também em seu próprio escritório, em São Paulo, "com vistas à doação de campanha para as eleições de 2010". Segundo a coluna Mônica Bergamo, outra pergunta é qual é a relação do presidente com José Yunes, um dos melhores amigos de Temer, e se ele "recebeu alguma contribuição de campanha" para alguma eleição de 2014. Caso a resposta seja positiva, diz Cunha, "as contribuições foram realizadas de forma oficial ou não declarada?". O ex-deputado ainda pergunta se Temer indicou o nome de Wellington Moreira Franco para a vice-presidência do Fundo de Governo e Loterias da Caixa Econômica Federal. Para Moro, a defesa de Cunha tenta investigar Michel Temer e rejeitou as questões. No despacho, afirmou que nenhuma denúncia pesa contra o presidente da República e que, se isso ocorresse, elas deveriam ser investigadas no Supremo Tribunal Federal (STF), e não em Curitiba, já que Temer tem foro privilegiado.
MORO NEGA 41 PERGUNTAS DE CUNHA A TEMER POR TENTATIVA DE INVESTIGAÇÃO MORO NEGA 41 PERGUNTAS DE CUNHA A TEMER POR TENTATIVA DE INVESTIGAÇÃO Reviewed by Mural do Oeste on segunda-feira, novembro 28, 2016 Rating: 5

Nenhum comentário:

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Blog Mural do Oeste É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Blog Mural do Oeste poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada,Que esteja sem indentificação.

Tecnologia do Blogger.