expr:class='data:blog.pageType'>

EM FRENTE AO PALÁCIO DO PLANALTO, MULHER DIZ 'TEMER, EU TE AMO'


Aos gritos de “Michel Temer, eu te amo” e “Eu não quero morrer sem antes te ver”, uma mulher tentou entrar nesta quarta-feira no Palácio do Planalto, onde ocorreu a cerimônia de lançamento do Plano Agrícola e Pecuário 2017/2018 pelo presidente Michel Temer (PMDB). Após ser barrada pelos seguranças quando estava próxima aos detectores de metal, a mulher, cujo nome não foi divulgado, passou mal e ficou alguns minutos deitada no chão, mas consciente.
Em seguida, ainda muito nervosa, ela foi atendida pelos brigadistas, colocada em uma cadeira de rodas e levada para atendimento dentro do Palácio do Planalto. No momento em que era encaminhada, ainda murmurou algumas palavras: “Vocês estão mentindo. Não vão me levar para encontrar o Temer”.
Demonstração de afeto desse tipo tem sido raridade na vida de Temer, altamente rejeitado pela população. Segundo pesquisa Datafolha feita no final de abril, sua impopularidade já era comparável à de Dilma Rosseff (PT) e de Fernando Collor de Mello (então no PRN), antes de serem afastados do governo.
Temer tinha apenas 9% de ótimo ou bom, enquanto 61% consideravam sua gestão ruim ou péssima. Longo antes de serem afastados, Dilma tinha 13% de aprovação, enquanto Collor tinha os mesmos 9% do atual presidente.
Estadão 
EM FRENTE AO PALÁCIO DO PLANALTO, MULHER DIZ 'TEMER, EU TE AMO' EM FRENTE AO PALÁCIO DO PLANALTO, MULHER DIZ 'TEMER, EU TE AMO' Reviewed by Redação Mural do Oeste on quarta-feira, junho 07, 2017 Rating: 5

Nenhum comentário:

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Blog Mural do Oeste É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Blog Mural do Oeste poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada,Que esteja sem indentificação.

Tecnologia do Blogger.