expr:class='data:blog.pageType'>

ESCOLAS REALIZAM CULMINÂNCIA DOS PROJETOS ESTRUTURANTES DE ARTE E CULTURA






Estudantes de diversas escolas da Bahia estão realizando as culminâncias dos projetos estruturantes de arte e cultura, iniciativa desenvolvidos pela Secretaria da Educação do Estado da Bahia com o objetivo de incentivar o protagonismo estudantil e o desenvolvimento das diversas expressões da arte no currículo escolar.

A comunidade escolar do Colégio Estadual Bolivar Santana, situado no Centro Administrativo (CAB), em Salvador, agitou o ambiente escolar, nesta sexta-feira (28), com arte e cultura. Tendo à frente os estudantes da 5ª série ao 3º ano do Ensino Médio, o projeto Bolivarte – em sua quinta edição – trouxe à tona os trabalhos inscritos nos Artes Visuais Estudantis (AVE), Festival Anual da Canção Estudantil (Face), Tempos de Arte Literária (TAL) e Dança Estudantil (Dance), projetos estruturantes.

De natureza educativa, artística e cultural, as obras apresentadas e conferidas por uma comissão julgadora, formada por professores e especialistas em artes, estão concorrendo à etapa escolar (primeira fase) dos citados projetos estruturantes da Secretaria da Educação. O estudante Lucas Ramos, 17, 2º ano, conta ter na dança a sua maior força de expressão e elogia a iniciativa do Bolivarte na escola. “O colégio vem promovendo um evento fantástico para despertar nos estudantes o seu potencial artístico. Eu, que tenho na dança a minha maior paixão, estou muito feliz por esta oportunidade, assim como os colegas ligados a outras manifestações artísticas, como literatura, música e artes plásticas”.

A aluna Vitória Lima, 19, 3º ano, também fala com entusiasmo sobre a importância de incluir as artes no processo de ensino e aprendizagem como um meio de transformar os contextos escolares e melhorar a Educação. “É a primeira vez que estou participando do Bolivarte e estou encantada com a produção artística dos colegas. A nossa escola vem abrindo um importante espaço para que nós, jovens, possamos mostrar o nosso talento artístico. A arte une, integra e nos torna melhores alunos porque, para participar do projeto, temos que ter um bom rendimento escolar”.

A professora de Artes, Rosana Carvalho, destaca que o projeto Bolivarte tem funcionado como uma ferramenta para incentivar nos estudantes o espírito de solidariedade, bem como trazer uma nova visão de mundo. “Além de despertar e desenvolver o potencial artístico dos alunos, a iniciativa tem contribuído para estimular neles o companheirismo, a consciência artística e social e a conservação do meio ambiente, enaltecendo a função social das artes”, analisa a educadora.

Interior

Esta sexta-feira foi também o momento dos alunos do Colégio Estadual Monsenhor Mario Pessoa, em Feira de Santana, mostrarem seus talentos. Houveram apresentações de música, vídeos, dança, teatro, poesia e muito mais.  
A coordenadora dos projetos da unidade, Lucine Leal, explica que o melhor da proposta é o protagonismo dos alunos que produzem todo o trabalho, mesmo que com a orientação dos professores. “Temos educadores que auxiliam os alunos durante a produção artística, mas toda a iniciativa vem deles. Por exemplo, na dança, os participantes criam as coreografias, na música, eles compõem a canção, e assim por diante. Além das atividades integrarem toda a comunidade escolar”, destaca.
O estudante do 9º ano, Adalto Reimão, 17 anos, contou que gostou muito de produzir um vídeo e participar do projeto Produções Visuais Estudantis (Prove). “Foi muito bacana desenvolver um audiovisual pegando um tema atual para desenvolver, neste caso da Reforma Trabalhista. Fizemos tudo baseado em entrevistas que as pessoas passavam sua opinião sobre o assunto. Fiquei bem satisfeito com o resultado”, disse.
Já sua colega do 8º ano, Beatriz Silva, 13, amante da música desde criança, a oportunidade de mostrar sua arte na escola é uma enorme motivação. “Poder apresentar uma música composta por mim é um grande incentivo. O Festival Anual da Canção Estudantil (Face) me deu a chance de apresentar a canção pop/rock ‘Idas e Voltas’, e com certeza pode abrir o caminho para outros colegas como eu”, analisa.
Também realizam as culminâncias dos projetos estruturantes, na segunda-feira (31), os estudantes do Colégio Jonival Lucas, em Sapeaçu, localizado no Núcleo Territorial de Santo Antônio de Jesus (NTE 21).



Fotos: Divulgação 
ESCOLAS REALIZAM CULMINÂNCIA DOS PROJETOS ESTRUTURANTES DE ARTE E CULTURA ESCOLAS REALIZAM CULMINÂNCIA DOS PROJETOS ESTRUTURANTES DE ARTE E CULTURA Reviewed by Redação Mural do Oeste on sexta-feira, julho 28, 2017 Rating: 5

Nenhum comentário:

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Blog Mural do Oeste É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Blog Mural do Oeste poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada,Que esteja sem indentificação.

Tecnologia do Blogger.