expr:class='data:blog.pageType'>

SINDICATO DOS PROFESSORES QUEREM DIÁLOGO COM OS GESTORES MUNICIPAIS DE BARREIRAS

                   Presidente do SINPROFE Arizângela Freitas
A confirmação pela prefeitura de Barreiras que a verba de mais de 178 milhões de reais provenientes dos precatórios do FUNDEB (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação), já estão a disposição do poder municipal, deixando claro que este montante só será usado quando com a apresentações dos projetos para onde vão ser alocados os recursos, criando um novo capítulo nesta disputa entre servidores e executivo municipal. Ontem a presidente do SINPROFE ( Sindicato dos Professores, Professoras e Especialista em Educação do Município de Barreiras-BA ) Arizângela Freitas concedeu uma entrevista falando deste novo momento para o munícipio de Barreiras. O sindicato vem já algum tempo discutindo que parte desta verba dos  precatórios deve ser revertida para os salários dos professores.
Vamos entender o que cada uma das partes pensa sobre o assunto:
A prefeitura entende que essa verba só deveria ser destinada caso os professores estivessem com salários atrasados ou se estivessem recebendo a baixo do teto nacional da categoria , o que não  é o caso de Barreiras.
O sindicato por outro lado, tem o argumento que os salários dos professores de Barreiras ficaram congelados entre 1997 e 2004, causando uma defasagem enorme.
Outra discussão é da votação da reforma dos estatuto do servidor municipal que foi bastante discutida na última semana, quando por duas vezes os servidores impediram que os projetos 09 e 10 de 2017 fossem votados, pedindo um maior diálogo com a prefeitura de Barreiras. Vamos entender o que aconteceu neste caso:
A prefeitura pediu a apreciação em caráter de urgência urgentíssima e a votação  dos dois projetos de readequação do estatuto.  O motivo seria que os salários + benefícios  dos servidores ultrapassariam em um curto  prazo  o valor limite permitido pela lei de responsabilidade fiscal, que segundo estudos da prefeitura inviabilizariam a gestão do munícipio.
Já o sindicato diz que este argumento  cairia por terra pelo menos este ano, pois o orçamento teria um acréscimo considerável  o que não afetaria pelo menos no momento a folha salarial.
O debate está criado, pelos precatórios que estão a disposição da prefeitura e a discussão  sobre a reforma do estatuto do servidor.

A presidente do SINPROFE durante a entrevista disse que este momento é de diálogo entre as partes. “Com a chegada dos precatórios muda muita coisa é hora de sentamos para conversar e chegar a um entendimento” Disse a presidente do SINPROFE acenando para uma conversa franca e aberta com os gestores tanto do executivo como do legislativo municipal.
A câmara de vereadores está em recesso e agora os projetos só devem ser votados na volta dos trabalhos.

Via: Mais Oeste
SINDICATO DOS PROFESSORES QUEREM DIÁLOGO COM OS GESTORES MUNICIPAIS DE BARREIRAS SINDICATO DOS PROFESSORES QUEREM DIÁLOGO COM OS GESTORES MUNICIPAIS DE BARREIRAS Reviewed by Redação Mural do Oeste on terça-feira, julho 18, 2017 Rating: 5

Nenhum comentário:

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Blog Mural do Oeste É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Blog Mural do Oeste poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada,Que esteja sem indentificação.

Tecnologia do Blogger.