expr:class='data:blog.pageType'>

OLHAR DE VÊNUS DE MILO E DE MILU




Roberto de Sena



Seu olhar tranquilo
parecendo a Vênus de Milo, Milu
me deixou feito o Pensador de Rodin

Vênus de Milo me iluminou
Milo me luminou, luminou Milu
Milu, Milu me luminou, 

E carrego em minha pele
seu olho pintado por Boticelli
até que se revele
seu nome em meu silencio

Atravessei o Mar Morto
só para ancorar no porto
do seu olhar

Olhar tranquilo
de Vênus de Milo
Milo, Milu, Milu
me iluminou
Milu me luminou

Milu me ilumina
que eu vou
eu voo tranquilo
seu olhar de Vênus de Milo
me iluminou.

Eu vivi mergulhado na caverna de Platão
E o seu olho me disse
que começou o verão
E eu chamo você
de anjo da anunciação

Olhar tranquilo
de Vênus de Milo
Me iluminou

Milo, 
Milo,

Milu.

Noites de lua
agosto azul

Milu
me iluminou
lume
Milu me iluminou
Vênus de Milo, Milu
Me ilumina, Milu
OLHAR DE VÊNUS DE MILO E DE MILU OLHAR DE VÊNUS DE MILO E DE MILU Reviewed by Redação Mural do Oeste on domingo, agosto 13, 2017 Rating: 5

Nenhum comentário:

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Blog Mural do Oeste É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Blog Mural do Oeste poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada,Que esteja sem indentificação.

Tecnologia do Blogger.